• slider-1
  • slider-2
  • slider-3
slider-11 slider-22 slider-33

Massagem Relaxante - Detalhada

ORIGEM DA MASSAGEM

Você já parou para se perguntar qual a origem da massagem? Porque gostamos tanto, ou ainda, porque algumas pessoas têm aversão a algo tão natural quanto o próprio corpo?

Desde que a humanidade surgiu, surgiu também a massagem, e isso é bem simples de entender. O toque é a forma mais primitiva e intuitiva de cuidar, e desde sempre, a maioria das culturas pratica algum tipo de toque terapêutico. A palavra massagem é de origem grega e significa “amassar”. Quando sentimos alguma dor em qualquer parte do corpo, nossa reação instintiva é a de friccionar ou segurar a área afetada na tentativa de diminuir o desconforto. Estudos arqueológicos indicam que, já na pré-História, as pessoas promoviam o bem-estar geral e adquiriam proteção contra lesões e infecções por meio de fricções no corpo. Seriam os primórdios do que hoje se entende por massagem.

HISTÓRIA DA MASSAGEM

Há registros de que antigas civilizações, tais como egípcios, hindus, chineses, japoneses, gregos e romanos, há cerca de 300 a.C., já utilizavam a massagem como forma de gerar bem-estar. No entanto, os primeiros a reconhecer e sistematizar as propriedades curativas da massagem foram os chineses, que possuem a literatura mais remota sobre o assunto: o Nei Ching, mais conhecido no ocidente como o “Livro do Imperador Amarelo”, escrito em 2800 a.C. Ao longo dos milênios, cada civilização desenvolveu seu próprio estilo de massagem, com base na sua cultura. No Oriente algumas destas técnicas perduram até hoje, como o Shiatsu e a Massagem Ayurvédica, que se se espalharam pelo mundo.

Já no Ocidente, a massoterapia teria sido banida da Europa durante a Idade Média. O contato físico era considerado como algo pecaminoso pela Igreja Católica. Isso pode explicar porque algumas pessoas até hoje têm uma visão distorcida sobre o tema, sempre associando o ato de fazer massagem com o despertar da libido ou estímulos sexuais. Uma pena, sofrem os massoterapeutas (principalmente as mulheres) e sofrem essas pessoas que perdem a chance de disfrutar de algo tão agradável e poderoso que é o toque terapêutico. Esse texto ilustra perfeitamente a importância da massagem e a visão distorcida que recai sobre o assunto:

“A massagem é necessária no mundo porque o amor desapareceu. Outrora o próprio toque dos amantes era suficiente. Uma mãe tocando o filho, brincando com o seu corpo, era massagem. O marido brincando com o corpo da mulher, era massagem; isto era suficiente, mais do que suficiente. Isto era profundo relaxamento e parte do amor. Mas isto desapareceu do mundo. Nós esquecemos de onde tocar, como tocar, o quão profundo é o ato de tocar. Na verdade, o toque é uma das linguagens mais esquecidas. Nós nos tornamos quase desconfortáveis no toque, porque a própria palavra foi corrompida pelas assim chamadas “pessoas religiosas”. Elas lhe deram uma conotação sexual. A palavra se tornou sexual e as pessoas se tornaram amedrontadas. Todo mundo está de guarda para não ser tocado, a menos que se permita. Agora no ocidente o outro extremo chegou. Toque e massagem se tornaram sexual. Agora a massagem é apenas uma cobertura, um cobertor para a sexualidade. Na verdade, nem o toque nem a massagem são sexuais. A massagem é entrar em sincronia com a energia do corpo de alguém e sentir onde ela está faltando, sentir onde o corpo está fragmentado e torná-lo completo. É ajudar a energia do corpo de modo que ela não seja mais fragmentada, não mais contraditória. Quando as energias do corpo estão alinhadas e se tornam uma orquestra, então você está completo. ” (Osho. O Livro da Cura.)

O QUE É MASSAGEM RELAXANTE

A massagem relaxante utiliza movimentos suaves e firmes por todo o corpo, por meio de manobras como o deslizamento (movimentos lentos), batimento (movimentos rápidos), amassamento (amassar os músculos uns contra os outros) e fricções (movimentos circulares).

Além de beneficiar a flexibilidade, a massagem relaxante aumenta a circulação e provoca uma sensação de bem-estar pelo relaxamento da musculatura, que alivia as tensões e o estresse. A massagem relaxante pode ser aplicada com óleos ou cremes associados à aroma terapia, trazendo uma efetiva sensação de bem-estar, conforto e tranquilidade.

INDICAÇÃO DA MASSAGEM RELAXANTE

É indicada para pessoas com tensão muscular, dores de origem muscular, mau-jeito em qualquer parte do corpo, ansiedade, irritabilidade, fadiga e estresse.

Esta técnica é uma ótima alternativa para pessoas que passam por dificuldades ou se sentem angustiadas.

Também é muito indicada para quem tem problemas de insônia ou acorda com sensação de cansaço.

BENEFÍCIOS DA MASSAGEM RELAXANTE

Este tratamento promove a melhora da circulação sanguínea, o aumento do fluxo de nutrientes, remoção de catabólitos e metabólitos (substâncias tóxicas das células) prejudiciais ao organismo, além de aliviar a dor e facilitar a atividade muscular. Cada sessão dura em média uma hora.

Quem tem dias corridos nas grandes cidades costuma sentir melhor os efeitos benéficos da massagem relaxante, pois ela acalma a mente das pessoas e todos os sistemas do corpo reagem positivamente à técnica, fazendo e o coração bater mais calmo, a respiração melhora e fica mais profunda, a pressão sanguínea normaliza e o intestino funciona melhor.

A massagem relaxante traz para as pessoas o bem-estar, mais vigor e vontade, e também é altamente terapêutica, ajuda na reflexão e acalma antes de alguma atividade que dá medo, como uma prova ou discurso em público, mantendo os efeitos bons pelo resto do dia ou por mais tempo.

É relevante mencionar que a técnica utilizada na massagem relaxante tem um efeito calmante no sistema nervoso. O SNA (sistema nervosa autônomo) tem duas divisões: o sistema simpático (entre outros, responsável pela boa digestão e uma boa vida sexual) e o sistema parassimpático (entre outros, responsável por atividades mais físicas). A massagem relaxante liga o sistema parassimpático e desliga o sistema simpático.

Na vida ocidental, é difícil desligar o sistema simpático do estresse e muitas pessoas raramente se sentem calmas. Este estresse pode levar a problemas intestinais (intestino preso ou hiperativo) e problemas sexuais (impotência ou falta de vontade sexual).

Também é importante dizer, que a massagem relaxante abaixa o ritmo cardíaco, tem efeitos bons na pressão sanguínea e deixa a pessoa disposta a enfrentar o estresse do dia a dia.

Toque é vital e as pessoas precisam ser tocadas para ter mais energia na vida, pois a massagem relaxante é um ótimo investimento para seu próprio bem-estar ou como presente para alguém querido.

Como se pode perceber são muitos os benefícios da massagem relaxante, como o bem-estar, relaxamento, mais consciência e intimidade com o próprio corpo, amplitude na percepção das sensações e sentimentos e renovação bioenergética. Além disso, a massagem também promove a descoberta de novas percepções quanto ao toque, revalorização da autoestima e da autoimagem, estímulo do potencial da sensualidade pessoal e a superação de traumas por violência ou maus-tratos sexuais.

CONTRAINDICAÇÃO DA MASSAGEM RELAXANTE

A massagem relaxante é desaconselhada em diversas situações, quando o prejuízo se sobrepõe ao benefício. Por isso, as pessoas devem evitar a massagem quando se verificarem os seguintes casos:

  • Temperatura do corpo superior a 38 graus;
  • Existência de traumas, feridas abertas, contusões recentes, roturas musculares, entorses e queimaduras;
  • Tumores;
  • Doenças circulatórias (veias varicosas, flebites, tromboses);
  • Melanoma;
  • Hemofilia;
  • Doenças de pele infecciosas (infecções bacteriológicas, de fungos, virais e herpes) – Somente na região afetada;
  • Reação adversa ao tratamento;
  • Embolias;
  • Flebites, inflamação das veias, percebemos, pois, causa edema, vermelhidão ou roxeamento e incapacidade de movimentação da área afetada pela dor;
  • Gânglios inchados;
  • Fraturas ósseas não consistentes, ou seja, estão moveis ainda, então aumenta o risco de aumentar a lesão;
  • Osteoporose grave, pelo risco de haver fratura dos ossos;
  • Gravidez nos três primeiros meses de gestação. No tempo restante da gravidez, as massagens se realizarão com laudo e prescrição médica. Existem indicações que a massagem serve para acalmar o bebe e no pré parto, auxilia a posicionar o feto;
  • Hipertensão arterial. Caso for realizar massagens relaxantes não há contraindicações, portanto se estimulantes, a massagem está contraindicada;
  • Quando existam reações alérgicas à massagem;
  • Quando o receptor sofre muita dor, no caso de doenças graves, como câncer;
  • Pessoas com taquicardia, aumento da frequência do batimento do coração;
  • Pessoas com hematomas graves;
  • Imediatamente após operações cirúrgicas.
  • CONCLUSÃO

    Bom pessoal, espero que tenham curtido as informações. Claro que antes de fazer qualquer massagem ou procedimento, é interessante procurar seu médico ortopedista, para saber se está tudo certo com seu corpo e não há impedimentos para a prática desse procedimento ou qualquer outro.

    Fontes:
    http://inspirar.com.br/blog/a-origem-e-a-importancia-da-massagem/
    http://suasaudecorpo.blogspot.com.br/2012/05/saiba-o-que-e-massagem-relaxante.html
    https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/farmacia/indicacoes-e-contraindicacoes-da-massagem-relaxante/38029



    Visite nossa loja virtual

    Na JS Terapias Masssagem e Estética temos várias modalidades de serviços na área de massoterapia, estética facial e estetica corporal.

    Para cada modalidade de serviços temos uma proposta de trabalho diferenciada e preços acessíveis.

    SATISFAÇÃO...

    As opiniões e sugestões dadas por clientes, são sempre levadas em consideração buscando melhorar a cada dia o processo de compra e não perder o contato pessoal com o cliente, considerado muito importante pela empresa que possui como principais valores a cordialidade, humildade e a ética nos relacionamentos.


    NOSSO MAIOR COMPROMISSO, VOCÊ!

    SIGA NOSSAS MÍDIAS...

    © Copyright 2020 JS Terapias Massagem e Estética - 24.388.585/0002-08 - Todos os direios reservados.